Edson Milton Ribeiro Paes.
"Eterno Aprendiz"
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Textos


 
 
“FAZENDO POESIA NO POESIA’
 
O apito reverberante do navio...
Anunciando que o sonho ia começar...
Todos nas janelas ou no convés com um pouco de frio...
Com as mãos agitadas em um frenético acenar!!!
 
Os parentes e amigos ao longo da orla...
Buzinavam e soltavam rojões...
E eu aqui me despedindo por agora...
Com o peito inflado cheio de emoções!!!
 
Aos poucos a terra ia ficando distante...
E uma sensação de plenitude invadia minha alma...
A cada momento eu conferia o horizonte...
E a esperança de um novo porto me acalma!!!
 
Tudo magistralmente perfeito...
As aguas azuis e as vezes verdejantes...
Presenteavam-me com a visão do que Deus teria feito...
Na janela eu observava tudo dentro de um instante!!!
 
A cada porto uma nova cultura...
Cheios de pessoas maravilhosas...
Eu interagindo com a diversidade de criaturas...
Acumulava informações muito valiosas!!!
 
A poesia pairava no ar...
E eu extasiado com tanta beleza...
Aos poucos ia entendendo a grandeza do navegar...
E poder apreciar o espetáculo da natureza!!!
 
De poesia no Poesia...
Eu fui colecionando emoções...
A cada minuto de cada dia....
Eu fui enchendo meu peito de recordações!!!
 
Navegar é preciso...
Viver bem é necessário...
Pois o pior que pode acontecer enquanto vivo...
E se deixar morrer antes do horário!!!
 
Singrando os mares de norte a sul...
Eu conto as estrelas na noite escura...
Ouvindo a melodia do mar azul...
Eu confesso meus sonhos para a amiga lua!!!
 
Vai Poesia...
Engole as aguas deste imenso mar...
A vida passa cheia de alegria...
Que você presenteia com um suave navegar!!!
 
Navegar é preciso..........
EDSON MILTON RIBEIRO PAES
Enviado por EDSON MILTON RIBEIRO PAES em 28/03/2019
Alterado em 28/03/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (EDSON MILTON RIBEIRO PAES). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários